Aulas Particulares, Bem Normalizar, Consciência social, Monografia, PSICOLOGIA, SERVIÇOS A DOMICÍLIO

Autismo não é doença; é uma oportunidade de inclusão social!

WhatsApp Image 2019-04-02 at 12.50.42A celebração de um dia é uma singela representatividade social e global que pode ser traduzida numa boa oportunidade para refletirmos sobre a temática do autismo, e, seguirmos na luta de valorizar o direito de todos de ter um cotidiano tranquilo e agregar qualidade de vida as crianças, jovens e adultos autistas. Segundo as autoridades de saúde, no Brasil, há 2 milhões de portadores do autismo.

Diz um site ao descrever esse dia de reflexão mundial sobre um tema que tem sido tratado com seriedade, profissionalismo, amor, inclusão de pais, educadores, pesquisadores, psicólogos e médicos:

“O Dia Mundial da Conscientização do Autismo, ou simplesmente Dia Mundial do Autismo, é comemorado em 2 de Abril. A data visa ajudar a conscientizar a população mundial sobre o Autismo, um transtorno no desenvolvimento do cérebro que afeta cerca de 70 milhões de pessoas em todo o mundo. O Dia Mundial de Conscientização do Autismo foi criado pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 18 de Dezembro de 2007″ Fonte: Calendarr Brasil

Para mudar o conceito de que o autismo seja uma doença, citamos um artigo do site Neuro Conecta: “O Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) é uma condição relacionada ao desenvolvimento do cérebro que afeta a forma como uma pessoa percebe o mundo e se socializa. Dessa forma, elas podem ter dificuldades de interação social e comunicação.”  

O empreendimento social da Bem Normalizar está de portas abertas a esse clientes queridos e que serão desafiadores para nossa equipe, no que pudermos ajudar, conte conosco. Temos flexibilidade para ajustar nossos serviços de aulas particulares e reforço escolar a sua demanda especial com indivíduos autistas. Atualmente, só temos condições de atender a cidade de Salvador, em serviços presenciais. Se for suporte ou treinamento virtual à distância então é só agendar conosco! Conheça todos os nossos serviços. Os orçamentos são sempre gratuitos. Se preferir solicite uma aula demonstrativa. 

Brevemente, compartilho em relato de um garoto autista, autodidata da cidade de Guaíba, no Rio Grande do Sul, que se tornou um exímio gaiteiro, e, de uma hora para outra seus pais ficaram preocupados por que ele não estava querendo se esforçar nos estudos. Então entrou em cena uma educadora amiga da família, que foi chamada para dar aulas particulares para ele, no tempo e no ritmo dele. Como resultado, ele melhorou cem por cento e tirou melhores notas. Seus pais ficaram felizes com a mudança que aconteceu. Qual o segredo? Simplesmente amor e a educadora recusou-se a aceitar o rótulo de que ele estaria tendo uma postura problemática de rebeldia.

Uma abordagem moderna é a ARTETERAPIA, convidamos a Psicóloga Infanto Juvenil carioca,  Dra. Liliane Fontenelle, e ela cedeu um excerto de sua Monografia apresentada na Santa Casa de Misericórdia em 2008, intitulado: A ARTETERAPIA COMO FACILITADORA DA COMUNICAÇÃO EM CRIANÇAS PORTADORAS DO TRANSTORNO INVASIVO DO DESENVOLVIMENTO DO TIPO AUTISTA

“Falando de ARTETERAPIA, no dia internacional da conscientização do AUTISMO: Não se conhece a existência de testes padronizados para quantificar a eficácia das experiências da arte com crianças autistas, mas segundo o artigo intitulado “Arttherapy and Autism” há literatura suficiente para demonstrar que ela é eficaz como forma de tratamento, por que ajuda a desenvolver as capacidades cognitivas, a expressar a criatividade, a estimular a auto-expressão, maior flexibilização do pensamento e a estimular a integração sensorial. A motivação que a criança autista tem em brincar com a arte é incentivada pela gama de materiais existentes e que propiciam a comunicação, pois fazer arte é uma maneira de engajar, modelar, construir uma relação, e, encorajar a comunicação. Pois entende-se, que a arte é uma forma de comunicação universal, onde os conteúdos semânticos não têm peso para o estabelecimento da comunicação, pois a arte é primariamente um veículo expressivo e pré-verbal.

A arte diminui o isolamento de qualquer criança que apresente dificuldades na área da comunicação. Como exigir uma simbolização e uma comunicação pela linguagem falada, se a criança muitas vezes, ainda está experienciando o mundo por vivências sensoriais?

Ao aceitar a forma de comunicação dessa criança autista onde a ausência dos conteúdos semânticos não é um impedimento para que a relação se estabeleça, torna-se possível abrir um espaço transicional que irá permitir um diálogo pelo olhar, pela atenção compartilhada, pela aceitação, pela sensibilidade, pelo lúdico e pelo SER CRIATIVO. O que vemos atualmente é uma apologia aos métodos de modelação de comportamento (nada contra e sabedora de sua eficiência), importados de uma sociedade não latina, onde a expressão pragmática é pouco vivida.

A nossa cultura respira arte, e, embora a Arteterapia não objetive criar artistas, as imagens que surgem no trabalho expressivo, possuem vida própria possibilitando uma excelente forma de comunicação. Chuck Gardner, um dos fundadores do M.I.N.D Institute, situado na Califórnia e pai de um menino autista, diz que para muitos indivíduos com autismo e que vivem em grande isolamento do restante do mundo, a arte é um dos poucos caminhos que os levam a uma brilhante expressão, por ser uma linda forma de comunicação.

Fonte:
FONTENELE, Liliane. Excerto do meu trabalho monográfico, originalmente apresentado à Santa Casa de Misericórdia em 2008, como requisito para obtenção do título de Especialista em Saúde Mental e Desenvolvimento Infanto-Juvenil. 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s